segunda-feira, 2 de maio de 2011

Tudo Passa .. - Parte 7



(…)
Fábio – Queres ir embora?
Nádia – É melhor sim.
Fábio – Vamos eu levo-te a casa e mais uma vez desculpa estraguei a tarde.
Nádia – Acontece Fábio , esquece isso.
Fábio – Ok, vamos .
E assim foi, caminharam para casa de Nádia, sem dirigirem uma palavra um ao outro. Fábio pensava para si:
«o que foste tu fazer? Fogo és tão estúpido Fábio! O que vai ela agora pensar de ti?»
Nádia – Fábio? Fábio?
Fábio – Sim, desculpa.
Nádia – Chegamos, obrigada.
Fábio – De nada, até amanha. – Despediu-se com um beijo na testa e foi embora.
Nádia nada disse, ficou a vê-lo cruzar a rua e entrou em casa, subiu as escadas para o seu quarto e deitou-se na sua cama. Depois de uns minutos tentando compreender o que se teria passado com Fábio decidiu ligar a Andreia.
«Andreia? Olá, precisava falar contigo.»
«Sim, claro diz.»
«Hoje há tarde aconteceu uma coisa, uma coisa que eu não esperava agora, não neste momento da minha vida.»
«Deixa-te lá de rodeios e conta»
«Como sabes eu fui passear com o Fábio, e ele levou-me a um sitio lindo assim tipo uma floresta ‘tás a ver? Até aí tudo bem , depois começamos com uma brincadeira e eu disse que não me calava , já sabes que nunca me calo quando me mandam, e foi aí que…»
«Que o que Nádia? Conta lá , já estou curiosa.»
«Ele beijou-me»
«O Fábio o que? Beijou-te?»
«Sim , isso mesmo.»
«E o que lhe disseste tu?»
«Oh Andreia tu sabes a minha situação neste momento, eu disse-lhe que que não me queria envolver com ninguém agora, e que não lhe queria dar esperanças de  nada.»
«Oh coitado! Deve estar com o coração despedaçado.»
«Eu sei, mas não queria nada disso. Mas sabes o pior disto tudo? É que aquele beijo não me foi indiferente, voltei a sentir-me feliz de novo, mas vi que podia estar a cometer um erro enorme e disse-lhe aquilo, não para magoá-lo mas sim para não me magoar a mim»
«Amiga eu percebo-te, e acho que ele também vai perceber. Mas se não te foi indiferente quer dizer que sentes alguma coisa por ele»
«Não sei, só o tempo dirá. Bem obrigada por me ouvires , estava mesmo a precisar. Mas agora vou jantar, até amanha. Beijinho adoro-te»
«De nada sua tonta. Estou aqui tu sabes, até amanha beijinho adoro-te»
Nádia desligou a chamada, desceu as escadas e foi jantar.
(…)

17 comentários:

ritag. disse...

gosto *

Drii* disse...

sigo*

Sara'C disse...

Amei, está brutal +.+

Madalena disse...

adorooo! continua (:

c. disse...

obrigada querida (:

● Mysterious.Girl disse...

já esta publicada amor (:
desculpa a demora $:

Isanvs disse...

gosto muito! sigo*

-bar disse...

lindo lindo lindo sigo ;D

- m a f a l d a f e r n a n d e s ♥ disse...

muito obrigada , querida

Catarina disse...

adorooo. quero a continuaçao *-*

- m a f a l d a f e r n a n d e s ♥ disse...

que fofinha

- m a f a l d a f e r n a n d e s ♥ disse...

tudo disso

● Mysterious.Girl disse...

em breve postarei :b
obrigada por seguires ^^ olha na informação tem lá mail , se algum dia precisares, já sabes (:

ritag. disse...

obrigada (:

Madalena disse...

oh muito obrigada querida, também gosto muito da tua (:

● Mysterious.Girl disse...

ok fofinha :b

● Mysterious.Girl disse...

muito em breve irei publicar :b