terça-feira, 5 de julho de 2011

Tudo Passa .. - Parte 21

 

 
Ok, algumas pessoas tinham razão :p

(…)

…Quando já iam para a sala onde iam ver o filme, ouviram grandes gargalhadas mais atrás e Nádia virou-se para trás para ver quem era , e qual não foi o seu espanto quando viu que era o RODRIGO, mas não estava sozinho e sim com uma rapariga.

Nádia – Eu..Eu..não acredito! – Fábio virou-se e também viu quem era.

Fábio – Nádia estás bem?

Nádia – Nada bem.

Fábio – Anda cá. – E deu-lhe um BIG ABRAÇO *-*

Nádia – Obrigada és mesmo um querido.

Fábio – Ahah eu sei. – Disse convencido, tentando fazer Nádia rir e resultou.

Nádia – És tão tonto. – Riu-se.

Mas logo olhou para Rodrigo novamente, e agora a rapariga estava abraçada a ele, Nádia nunca a tinha visto, nem a conhecia. Fábio reparou que Nádia estava novamente triste e chamou Rodrigo.

Fábio – Cara de cú? (ok, fui má :p)

Rapariga – Rodrigo, desculpa dizer mas acho que aquele nome foi para ti, porque aqueles dois estão a olhar para aqui. – Rodrigo virou-se e encarou-os espantado.

Rodrigo – Nádia?!

Nádia – Não perdes tempo não é Rodrigo?

Rodrigo – O quê? Han?

Nádia – Sim isso mesmo, olha e só mais uma coisa nunca mais me dirigas a palavra, realmente fui muito parva em ter acredito no que me disses-te. Fábio desculpa mas eu vou embora. – Despediu-se dele com um beijo na cara e saiu dali, as lágrimas teimavam em cair mas ela não iria deixar que ele a magoa-se mais.



Ainda lá dentro



Fábio – Tu realmente és um filho da mãe.

Rodrigo – Olha sai-me da frente, tenho de falar com ela. – Mas antes de Rodrigo sair dali, Fábio puxou-lhe o braço e disse-lhe:

- Se a voltas a magoar nem sei que te faço, por isso tem cuidado. – Mas Rodrigo largou-se e foi a correr há procura de Nádia.



Lá fora



Nádia estava sentada num banco, não muito longe do cinema, lavada em lágrimas, Rodrigo viu-a e foi ter com ela.

Rodrigo – Nádia? Podes me explicar o porque de estares a chorar e o que se passou lá dentro?

Nádia – Tu és estúpido ou fazes-te? – Limpou as lágrimas. - Será que não vês o que se passa há tua roda? Ah pois já me esquecia tu vives num mundo só teu, onde só tu importas, e já agora que estás aqui a fazer? Vai lá ter com a tua conquista, eu não preciso que te preocupes comigo. – Disse com raiva.

Rodrigo – O quê? Conquista?

Nádia – Sim, a tua nova namoradinha estavam ali todos felizes aos abraços e sei lá mais o que.

Rodrigo – Namorada? Ela é minha prima Nádia.

Nádia – Claro e eu sou a mãe natal.

Rodrigo – Acredita em mim, ela estava fora do país e veio agora. E sobre ela estar abraçada a mim ela sempre foi assim comigo, acho que ela não gosta de mim só como primo, mas isto não interessa agora. Acreditas em mim?

Nádia - …

(…)

12 comentários:

-s disse...

Oh que lindo *-*
Ai agora fiquei curiosa por saber o que ela vai dizer e como vão ficar as coisas com o Fábio (:

StééF'ernandes disse...

muitoo liindo *
Não tens nada que agradecer querida :)

c. disse...

e olha, afinal era mesmo o rodrigo com outra rapariga :o quero é saber se é mesmo prima dele :$ ahah

Sara'C disse...

Espero que seja msm prima.
Até pq eu continuo a querer que o Rodrigo e ela fiquem juntos +.+

-s disse...

De nada (:

márcia disse...

Eu quero tanto que o Rodrigo e a Nádia fiquem juntos s:

márcia disse...

não sei o porquê, mas gostava que ela ficasse com ele, apesar de tudo o Rodrigo parece-me ser "boa pessoa" e estar mesmo mesmo apaixonado pla Nádia.

Catarina. disse...

;) amanhã ou dps coloco a continuação querida *.*

Biia Santos disse...

Obrigada princesa ♥

V. Daniela disse...

*.* esta linda a tua história, amei
tens muito jeito para escrever, continua, já estou a seguir.
beijinh

ritanascimento disse...

também adorei quando vi *
estou apaixonada pela história *.*

KateSilva. disse...

; li & amei !
continua querida :3